Praga de algodoeiro também ataca canteiros de hortaliças.

Segunda-feira, 27 de novembro de 2017 às 10h 23

Pertencente à família Pyrrhocoridae, o percevejo manchador faz parte do gênero Dysdercus spp, que é considerado praga na cultura do algodoeiro. A reprodução desses insetos ocorre – e mais intensamente em períodos de maior umidade e nebulosidade – o ano todo em hospedeiros alternativos, como matos, jardins, plantas silvestres, hortaliças e olerícolas. Os ovos brancos, ou de cor alaranjada, podem ser depositados em fendas no solo, gravetos e coletos das plantas (base do caule junto ao solo).

As formas jovens (ninfas) possuem coloração avermelhada e mantêm-se unidas. Os adultos medem cerca de 15 milímetros de comprimento e têm asas que variam entre amarelo, laranja, vermelho e castanho-claro a escuro, com três linhas brancas. Não produzem danos significativos em plantações, porém o controle pode ser feito com inseticidas domissanitários, respeitando o prazo de carência no uso em hortas. No caso de controle biológico, recomenda-se o fungo entomopatogênico Metarhizium anisopliae.

 

http://revistagloborural.globo.com/vida-na-fazenda/gr-responde/noticia/2017/11/praga-de-algodoeiro-tambem-ataca-canteiros-de-hortalicas.html